Até onde vai a estupidez humana?

By | quinta-feira, fevereiro 02, 2012 Deixe um comentário


É impressionante o que o ser humano consegue fazer. Quando a ciência trabalha a favor da humanidade é louvável o seu trabalho, mas quando o trabalho é a bomba atômica, por exemplo, o que podemos dizer? Mesmo sabendo que essa tecnologia possibilitou avanços na ciência (energia atômica). 

A mais nova estupidez produzida pelo ser humano, é que ele conseguiu tornar a mais letal variante da influenza aviária o H5N1, patogênico para ele mesmo, com que finalidade? Arma biológica lógico, a letalidade desse vírus é de 50% e ele propaga-se através do ar, é basicamente uma gripe muito perigosa e que pode matar. A influenza aviária (H5N1) é um dos maiores problemas (medo) da defesa agropecuária em todo mundo, esse ano já houve surto nas aves como já comentei aqui no blog, esse problema estava restrito as aves, mas que apresentava surtos em humanos esporadicamente, sendo o primeiro deles em 1997 em Hong Kong. Infelizmente o homem resolveu brincar de Deus e alterou o material genético do vírus tornando possível a infecção também em humanos, vamos torcer para que esse mal permaneça trancafiado nos laboratórios, assim como a varíola que apesar de erradicada do mundo ainda existem amostras em laboratórios. É bom saber que: o órgão de análise científica dos EUA tentaram barrar a publicação da pesquisa que fez o vírus da gripe aviária se tornar transmissível pelo ar entre humanos (eles queriam que ninguém soubesse da informação), os cientistas responsáveis pela “proeza” são holandeses e americanos, coordenados por Ron Fouchier e Yoshihiro Kawaoka e o trabalho foi apresentado em setembro de 2011. Será que eles esqueceram o 11 de setembro, porque se esse vírus escapar do laboratório o atentado será um passeio no parque comparado a uma pandemia.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial